Mais Informações

Agende uma Visita

Como você conheceu a FEI?






OBS: A FEI entrará em contato para confirmar a visita

Graduação

Engenharia de Materiais

Inscreva-se no Vestibular!

    Período

  • Diurno

    Duração

  • 10 Semestres

    Localização

  • São Bernardo do Campo

    Mensalidade

  • R$ 2.335,00
Você se vê como um profissional que irá criar soluções inovadoras
e sustentáveis na busca de melhor desempenho dos materiais?
Na FEI você prepara seu futuro!


O Curso

Nós formamos talentos que desenvolverão as tecnologias para a criação de materiais mais leves, mais resistentes e ambientalmente corretos. Esses são os grandes desafios da Engenharia de Materiais. Conectada com o surgimento de novos processos e preparada para oferecer as melhores e mais eficientes experiências, a FEI investe na construção da carreira dos alunos hoje e também projeta como ela será no futuro.

O curso de Engenharia de Materiais forma profissionais com embasamento científico e tecnológico, focados na melhoria e eficiência de produtos, especialmente no que se refere aos processos de fabricação e conformação de materiais metálicos, cerâmicos, poliméricos e compósitos, que trabalharão na transformação, especificação, caracterização, seleção e desenvolvimento destes materiais.

A cultura da inovação está sempre presente, transformando os estudantes em engenheiros versáteis, preparados para pesquisa e trabalho em diferentes áreas, desde a criação de biomateriais para a medicina até o desenvolvimento de materiais nanotecnológicos.

Coordenador

Adriana Martinelli Catelli de Souza

Email: amcsouza@fei.edu.br

Minicurrículo Lattes CV

Possui graduação em Engenharia de Materiais com ênfase em Materiais Poliméricos (1993) e Mestrado em Ciência e Engenharia dos Materiais (1997), ambos pela Universidade Federal de São Carlos. Doutorado (2002) e Pós Doutorado (2006-2010) em Engenharia de Materiais pela Universidade de São Paulo. Atualmente, é professora e pesquisadora do Centro Universitário da FEI, atuando principalmente nas seguintes áreas: blendas (misturas) poliméricas, reologia, morfologia, compatibilização, estudos de interface e tensão interfacial entre polímeros.

  • Preparando o futuro

    A inovação, na FEI, é baseada em conhecimento e pesquisa:

    • Promovemos e incentivamos as pesquisas científicas, que colocam você em posição de liderança na aquisição do conhecimento, com atualização constante dos contextos complexos que envolvem tecnologia.
    • Praticamos a cultura da inovação, que permeia os cursos e o ambiente universitário.
    • As pesquisas realizadas e nossos parceiros estão na vanguarda do desenvolvimento científico nacional e mundial.

    Desenvolvemos cooperação e convênios entre empresas, órgãos públicos e instituições internacionais, proporcionando a você contato direto com o mercado de trabalho e engajamento global.

    A FEI investe na excelência do ensino e em pesquisa científica e tecnológica para que você projete cenários futuros!




  • Plano dos Cursos

    Local Campus São Bernardo do Campo - SP
    Duração 10 semestres (curso diurno)
    Habilitação Engenharia de Automação e Controle 4.100 horas de aula
      100 horas de atividades complementares
      160 horas de estágio supervisionado
      Carga horária total: 4.360 horas


    Além das disciplinas que são a base para a formação técnica do engenheiro de materiais, o curso inclui as disciplinas profissionalizantes, com conteúdo específico.

     

  • O Processo de Aprendizagem

    Temos uma visão contemporânea do ensino da engenharia, uma nova e arrojada proposta de mudança dos processos tradicionais de aprendizagem:

    • foco em metodologias ativas
    • ferramentas didáticas inovadoras
    • novas estratégias de avaliação de competências e conhecimentos

    Trabalhamos com um ecossistema de ensino-aprendizagem que:

    • favorece o desenvolvimento do perfil protagonista
    • promove autonomia intelectual
    • potencializa a capacidade de aprender a aprender

    Nossos alunos adaptam-se perfeitamente às demandas futuras e imprevisíveis. Eles têm o domínio do processo criativo e otimizam a mobilização de conhecimentos e execução de projetos em soluções com potencial disruptivo e de alto valor social.

  • As Áreas de Atuação

    Todo o processo de fabricação deve contar com um engenheiro de materiais nas suas etapas de produção, para garantir qualidade e segurança. Você tem oportunidades de trabalho:
    • • nas indústrias de produção e desenvolvimento de matérias-primas a partir de metais, polímeros e cerâmicas (siderúrgicas, metalúrgicas, indústrias químicas e petroquímicas, vidros etc.);
    • • nas indústrias de bens de consumo (embalagens, têxtil, eletrodomésticos, eletroeletrônicos, brinquedos etc);
    • • em empresas dos setores automotivo, naval, aeronáutico, aeroespacial, biomédico, odontológico, materiais esportivos etc.
    • • em institutos e centros de pesquisa, órgãos governamentais, escritórios de consultoria para o desenvolvimento e fabricação de produtos e processos sustentáveis e de proteção ao meio-ambiente;
    • • na gestão, supervisão, coordenação e orientação técnica de projetos e processos de produção, transformação e uso de todas as classes de materiais;
    • • na pesquisa e desenvolvimento de novos materiais e novos usos industriais para os materiais existentes, em estudos de viabilidade técnico-econômica e ambiental da utilização e produção de materiais;
    • • realização de vistoria, perícia, avaliação, monitoramento, auditoria e arbitragem, com emissão de laudos e pareceres técnicos.

Estude Engenharia
na FEI

Acompanhe os projetos inovadores e com visão de futuro que os alunos de Engenharia da FEI participam!

Clique aqui

Projetos Abrangentes


Programa de Mestrado em Engenharia Mecânica da FEI, na área de concentração de Materiais e Processos, tem linhas de pesquisa diretamente relacionadas à área de materiais: "Cerâmicas Técnicas", "Modificação, Reciclagem e Processamento de Polímeros", "Transformação de Fases" e "Comportamento Mecânico de Materiais Estruturais". Professores e alunos oferecem soluções às questões técnicas propostas pela comunidade empresarial, inclusive para empresas com as quais mantemos convênios de parceria científica e tecnológica e que estão presentes no campus, com laboratórios próprios de pesquisa e desenvolvimento.





Projeto SAMPE: possibilita aos estudantes a oportunidade de participarem de competições no Brasil e Exterior, além de vivenciarem a engenharia e a pesquisa em um ambiente de estímulo da criatividade e de aplicação da engenharia de excelência. Nossos alunos participam desse projeto, são desafiados a projetar e construir vigas em material compósito para participar da competição intitulada “Student Bridge Contest”. Desde sua primeira participação na etapa nacional, em 2014, a FEI já conquistou 3 primeiros lugares (2014, 2016 e 2017), que a colocam entre as principais equipes da competição.

Espaços de Aprendizagem

Temos o que há de mais moderno para prática e pesquisa em Engenharia de Materiais: ferramentas computacionais avançadas e instalações modernas e bem equipadas, laboratórios altamente equipados e atualizados para desenvolver projetos acadêmicos de investigação científica.

Disciplinas

INGRESSANTES ATÉ 2º 2018

Diurno

Clique nos ciclos abaixo para mais detalhes:

INTRODUÇÃO A COMPUTAÇÃO

INTRODUÇÃO A COMPUTAÇÃO

Linguagem algorítmica; Linguagem de programação; Ambiente de programação; Fluxos seqüenciais, fluxos alternativos, fluxos repetitivos; Modularização e subprogramas; Tipos estruturados: listas e registros.

  • Código:
    CC1410
  • Coordenação:
    CUSTODIO THOMAZ KERRY MARTINS
  • Carga Horária Total:
    80 Horas

SOCIOLOGIA

SOCIOLOGIA

Sociologia e Sociedade. Indivíduo e Sociedade. Instituições sociais e Controle social Instituições formais. Modalidade social. Sociedade do conhecimento

  • Código:
    CS1210
  • Coordenação:
    LANIA STEFANONI FERREIRA
  • Carga Horária Total:
    40 Horas

EDUCAÇÃO FÍSICA

EDUCAÇÃO FÍSICA

Incentivar a prática das atividades físicas como instrumento de boa saúde, ampliar conhecimento das modalidades desportivas através da prática orientada, conscientizar o aluno da importância sobre a harmonia do corpo e alma, servindo como base as atividades físicas e desporto.

  • Código:
    CS1510
  • Coordenação:
    PAULO PELOGGIA PRIMO
  • Carga Horária Total:
    40 Horas

FISICA I

FISICA I

Cinemática escalar do ponto; cinemática vetorial do ponto; elementos geométricos da trajetória; movimento circular de uma partícula; Leis de Newton; equilíbrio do ponto; trabalho; potência de uma força; energia cinética; energia potencial; energia mecânica; conservação e não conservação da energia mecânica; quantidade de movimento; conservação da quantidade de movimento.

  • Código:
    FS1110
  • Coordenação:
    MARCILEI A GUAZZELLI SILVEIRA
  • Carga Horária Total:
    120 Horas

CALCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL I

CALCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL I

Conjuntos numéricos usuais. Conceitos de funções, funções básicas. Limites, formas indeterminadas, limites fundamentais. Derivada, reta tangente, regras de derivação, problemas de máximos e mínimos, regra de L-Hospital. Taxa de variação. Esboço de curvas. Diferenciais.

  • Código:
    MA1110
  • Coordenação:
    PAULO HENRIQUE TRENTIN
  • Carga Horária Total:
    120 Horas

CALCULO VETORIAL E GEOMETRIA ANALITICA

CALCULO VETORIAL E GEOMETRIA ANALITICA

Vetores. Dependência linear. Base. Mudança de base. Produto escalar. Produto vetorial. Produto misto. Sistema de coordenadas. Reta e Plano. Posições relativas. Superfícies esféricas.

  • Código:
    MA1210
  • Coordenação:
    ARMANDO PEREIRA LORETO JUNIOR
  • Carga Horária Total:
    80 Horas

DESENHO TECNICO

DESENHO TECNICO

Estudo das várias técnicas do desenho de projeções normalizado para uma eficiente leitura e interpretação de desenho técnico em engenharia, além de desenvolver hábitos motores corretos na execução de desenhos e uso do instrumental. Desenvolvimento de raciocínio espacial e criatividade.

  • Código:
    ME1110
  • Coordenação:
    RENATO JOSE PINTO
  • Carga Horária Total:
    80 Horas

FILOSOFIA

FILOSOFIA

Realismo. Exigências estruturais do homem. Razão. Dinâmica do conhecer. A experiência humana: sua natureza. Compromisso com a vida. O Eu como promessa.

  • Código:
    CS2120
  • Coordenação:
    RAFAEL MAHFOUD MARCOCCIA
  • Carga Horária Total:
    40 Horas

FISICA II

FISICA II

Temperatura e calor. 1a Lei da termodinâmica. Transformações com gases perfeitos. Teoria cinética dos gases. 2a Lei da termodinâmica. Máquinas térmicas. Oscilações. Ondas.

  • Código:
    FS2120
  • Coordenação:
    ELIANE DE FATIMA CHINAGLIA
  • Carga Horária Total:
    120 Horas

CALCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II

CALCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II

Integrais indefinidas e definidas. Técnicas de integração. Aplicações. Funções de duas variáveis - aplicações. Integrais duplas. Análise vetorial. Equações diferenciais de primeira ordem. Equações diferenciais de segunda ordem com coeficientes constantes.

  • Código:
    MA2121
  • Coordenação:
    MIUA TANAKA
  • Carga Horária Total:
    120 Horas

ALGEBRA LINEAR

ALGEBRA LINEAR

Espaços vetoriais. Transformações lineares. Auto valores e auto vetores. Espaços com produto interno.

  • Código:
    MA2220
  • Coordenação:
    ROSELI ALVES DE MOURA
  • Carga Horária Total:
    80 Horas

CALCULO NUMERICO

CALCULO NUMERICO

Sistemas lineares: métodos exatos e iterativos. Zeros de funções: método gráfico e numérico. Aproximação de funções - Método dos Mínimos Quadrados. Interpolação - Método de Newton e Método de Lagrange. Integração numérica. Equações diferenciais - métodos numéricos.

  • Código:
    MA2311
  • Coordenação:
    CLAUDIO DALL`ANESE
  • Carga Horária Total:
    120 Horas

QUIMICA GERAL I

QUIMICA GERAL I

Noções sobre microestrutura da matéria / Estrutura do Átomo / Elementos, Compostos e Misturas / Mol e Massa Molar / Noções sobre Ligação Química / Substância Iônica e Substância Molecular / Nomenclatura dos compostos químicos / Identificação Funcional (ácido, base, sal, óxido) / Polaridade das Ligações e Eletronegatividade / Noções sobre Forças Intermoleculares / Estequiometria / Balanceamento de Equações Químicas / Estados Físicos da Matéria (Sólidos, Líquidos e Gases) / Mudança de Estado e Equilíbrios Físicos / Diagramas de fase / Mistura gás - vapor / Gases / Sólidos / Soluções / Propriedades e Tipos de Soluções/ Unidades de Concentração .

  • Código:
    QM2110
  • Coordenação:
    GERALDO LUIZ P FONTANA
  • Carga Horária Total:
    120 Horas

ENSINO SOCIAL CRISTAO

ENSINO SOCIAL CRISTAO

Fundamentos do Ensino Social da Igreja: Princípio personalista: concepção de pessoa na antropologia cristã, dignidade e direitos humanos, aplicação deste princípio em questões de bioética. Princípio da subsidiariedade: conceito e aplicações, o papel do Estado e a importância do terceiro Setor. Princípio de solidariedade: conceito e estudo de caso, o papel do Estado e a importância do terceiro setor. Princípio do Bem Comum: Pessoa/Estado/Mercado, Política, Estado e Religião, Economia e Ética, Características do mercado globalizado, Desafios para o desenvolvimento no âmbito da economia e tecnologia. Trabalho humano: Dimensão objetiva e subjetiva, Sentido e implicações do trabalho e emprego no mundo atual.

  • Código:
    CS3310
  • Coordenação:
    MARLI PIROZELLI NAVALHO SILVA
  • Carga Horária Total:
    40 Horas

FISICA III

FISICA III

Lei de Coulomb; campo eletrostático; distribuições discreta e contínua de cargas; Lei de Gauss; potencial eletrostático; trabalho; campo de indução magnética; força magnética; força de Lorentz; força magnética em condutores de corrente; conjugado magnético; Lei circuital de Ampere; Lei de Biot-Savart; capacitância.

  • Código:
    FS3130
  • Coordenação:
    GILBERTO MARCON FERRAZ
  • Carga Horária Total:
    120 Horas

MECANICA DO CORPO RIGIDO

MECANICA DO CORPO RIGIDO

Sistema de muitas partículas; centro de massa; momento de uma força; equilíbrio do corpo rígido; cinemática plana do corpo rígido (translação e rotação em torno de eixo fixo, centro instantâneo de rotação); dinâmica plana do corpo rígido (momento de inércia, Teorema do Centro de Massa, Teorema do Momento Angular, translação, rotação em torno de eixo fixo e movimento plano geral).

  • Código:
    FS3310
  • Coordenação:
    SAMUEL DE SOUZA
  • Carga Horária Total:
    80 Horas

CALCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL III

CALCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL III

Números complexos. Funções de variáveis complexas. Funções Analíticas. Integrais de funções complexas. Integrais de Cauchy. Séries numéricas. Critérios de convergência para séries positivas. Séries alternadas. Séries de funções. Séries de Taylor. Séries de Fourier.

  • Código:
    MA3130
  • Coordenação:
    ARMANDO PEREIRA LORETO JUNIOR
  • Carga Horária Total:
    80 Horas

TERMODINAMICA

TERMODINAMICA

Descrever as leis básicas da termodinâmica (1ª e 2ª Leis da Termodinâmica). Sistemas abertos ou fechados. Regime permanente ou variável. Propriedades das substâncias. Estudos de ciclos motores a vapor (Carnot e Rankine).

  • Código:
    ME3110
  • Coordenação:
    GILBERTO OSWALDO IENO
  • Carga Horária Total:
    80 Horas

CIÊNCIA DOS MATERIAIS

CIÊNCIA DOS MATERIAIS

Materiais para engenharia e suas propriedades. O tetraedro dos materiais. Ligações atômicas. Estrutura atômica. Estruturas de materiais cristalinos e não-cristalinos. Estrutura e propriedades dos metais e ligas metálicas. Estrutura e propriedades dos materiais cerâmicos. Estrutura e propriedades dos materiais poliméricos. Índices de Miller. Sistemas e reticulados cristalinos. Planos, direções e posições no reticulado. Imperfeições em materiais cristalinos. Desdobramentos das imperfeições em materiais cristalinos. Deformação plástica em materiais cristalinos e não-cristalinos (parcialmente cristalnos). Mecanismos de aumento de resistência em materiais cristalinos e parcialmente cristalinos.

  • Código:
    MR3010
  • Coordenação:
    JULIO CESAR DUTRA
  • Carga Horária Total:
    80 Horas

INTRODUCAO A ENGENHARIA DE MATERIAIS

INTRODUCAO A ENGENHARIA DE MATERIAIS

Conceitos básicos sobre Engenharia. Desenvolvimento histórico da Engenharia. A visão moderna sobre a área de Engenharia de Materiais, campo de atuação. Processos de produção e conformação dos materiais: Metálicos, Cerâmicos, Poliméricos e Compósitos. Introdução a tecnologia dos nano-materiais. Pesquisa bibliográfica em bases de dados da biblioteca.

  • Código:
    MR3110
  • Coordenação:
    PATRICIA SCHMID CALVÃO
  • Carga Horária Total:
    40 Horas

FUNDAMENTOS DE ESTRUTURAS E TRANSFORMAÇÕES QUIMICAS

FUNDAMENTOS DE ESTRUTURAS E TRANSFORMAÇÕES QUIMICAS

Estrutura atômica. Propriedades periódicas dos elementos. Ligações químicas. Estados da matéria. Entropia e energia livre de Gibbs. Cinética química. Equilíbrio químico. Ácidos e bases. Óxido-redução. Química do carbono. Alcanos, alcenos e alcinos. Compostos aromáticos. Isômeros. Haletos e organometálicos. Álcoois, fenóis e éteres. Compostos carbonílicos e carboxílicos. Compostos nitrogenados

  • Código:
    QM3210
  • Coordenação:
    MARCOS MAKOTO TOYAMA
  • Carga Horária Total:
    80 Horas

ECOLOGIA: ENGENHARIA PARA A SUSTENTABILIDADE

ECOLOGIA: ENGENHARIA PARA A SUSTENTABILIDADE

Sustentabilidade: bases conceituais. Mudanças Globais. Avaliação de Impactos Ambientais: Meio físico - fatores de degradação, mitigação de impactos e controle. Licenciamento Ambiental. Estudos de Impacto Ambiental. DFE - Design for Environment. ACV - Análise do Ciclo de Vida. Rotulagem Ambiental de Produtos. (P+L) Produção Mais Limpa. Sistemas de Gestão Ambiental segundo a NBR ISO-14.000: 2004. Sistemas de Gestão Integrada.

  • Código:
    CS4321
  • Coordenação:
    AILTON PINTO ALVES FILHO
  • Carga Horária Total:
    40 Horas

ELETRICIDADE BASICA

ELETRICIDADE BASICA

Tensão, potência e energia elétrica em corrente contínua. Convenção de gerador e receptor. Leis de Kirchhoff. Análise de malhas. Análise nodal. Gerador equivalente de Thevenin. Circuitos monofásicos. Circuito RLC série e paralelo. Correção de fator de potência. Noções de circuitos trifásicos. Transformadores. Motor. Alternador.

  • Código:
    EL4110
  • Coordenação:
    DEVAIR APARECIDO ARRABACA
  • Carga Horária Total:
    120 Horas

PRINCÍPIOS E APLICAÇÕES DE FÍSICA MODERNA

PRINCÍPIOS E APLICAÇÕES DE FÍSICA MODERNA

Equação de Maxwell na forma diferencial; interferência por sistema de N fendas; difração; polarização da luz; ondas de De Broglie; difração de Bragg; átomo de Bohr; números quânticos; decaimento nuclear e datação.

  • Código:
    FS4410
  • Coordenação:
    JESSICA FLEURY CURADO
  • Carga Horária Total:
    80 Horas

ESTATISTICA BASICA

ESTATISTICA BASICA

Espaço amostral. Probabilidade. Variáveis aleatórias discretas. Distribuição conjunta de variáveis aleatórias discretas. Distribuições teóricas de variáveis aleatórias discretas: Binomial e Poisson. Variáveis aleatórias contínuas. Distribuição Normal.

  • Código:
    MA4320
  • Coordenação:
    MONICA KARRER
  • Carga Horária Total:
    40 Horas

MECANICA DOS FLUIDOS I

MECANICA DOS FLUIDOS I

Objetiva estudar as propriedades, a estática e a cinemática dos fluidos, bem como as instrumentações básicas para medidas de suas propriedades, possibilitando desta forma os estudos dos escoamentos unidirecionais, incompressíveis e em regime permanente em condutos forçados na presença, ou não de máquinas hidráulicas.

  • Código:
    ME4310
  • Coordenação:
    REINALDO ROSSETTI
  • Carga Horária Total:
    120 Horas

RESISTENCIA DOS MATERIAIS

RESISTENCIA DOS MATERIAIS

Propiciar condições ao aluno de entender e analisar o comportamento de sólidos sujeitos aos vários tipos de esforços, fornecendo as bases de projeto e verificação estrutural de componentes de engenharia.

  • Código:
    ME4610
  • Coordenação:
    GUSTAVO HENRIQUE B. DONATO
  • Carga Horária Total:
    80 Horas

ESTRUTURA DOS MATERIAIS

ESTRUTURA DOS MATERIAIS

Origem da estrutura cristalina.Fatores que levam à cristalinidade e não-cristalinidade. Célula unitária. Estruturas de materiais metálicos, cerâmicos e poliméricos. Difração de raios-X como monitor da estrutura cristalina. Caracterização da estrutura cristalina. Caracterização em materiais cristalinos com mais de uma fase. Estruturas não-cristalinas. Soluções sólidas. Defeitos puntiformes. Produção térmica de defeitos puntiformes. Difusão em sólidos. Mecanismos de difusão. Discordâncias e deformação plástica. O estado encruado. Recozimento em materiais metálicos após deformação a frio: fenômenos de recuperação, recristalização e crescimento de grão.

  • Código:
    MR4010
  • Coordenação:
    JULIO CESAR DUTRA
  • Carga Horária Total:
    40 Horas

TERMODINAMICA APLICADA

TERMODINAMICA APLICADA

Estequiometria e balanço de massa. Funções termodinâmicas. Primeira lei da termodinâmica: entalpia. Termoquímica. Balanço térmico. Segunda lei da termodinâmica: entropia. Potenciais termodinâmicos. Equação de Clausius-Clapeyron. Termodinâmica e equilíbrio de sistemas abertos. Funções molares. Termodinâmica dos sistemas gasosos. Introdução à termodinâmica dos sistemas fechados. Conceito de atividade. Potencial químico. Diagramas de Ellingham.

  • Código:
    MR4020
  • Coordenação:
    KATSUJIRO SUSAKI
  • Carga Horária Total:
    80 Horas

DIAGRAMAS DE EQUILIBRIO

DIAGRAMAS DE EQUILIBRIO

Diagramas binários. Equilíbrio de duas fases: solubilidade completa dos componentes. Equilíbrio de três fases: reações eutética e eutetóide, reações peritética e peritetóide. Reações monotética e monotetóide. Diagramas ternários. Equilíbrio de três fases: reação eutética e reação peritética. Equilíbrio de quatro fases: reação eutética ternária. Princípios de construção de diagramas de equilíbrio. Modelagem matemática - Thermocalc.

  • Código:
    MR5020
  • Coordenação:
    RODRIGO MAGNABOSCO
  • Carga Horária Total:
    40 Horas

FENOMENOS DE TRANSPORTE APLICADO A MATERIAIS

FENOMENOS DE TRANSPORTE APLICADO A MATERIAIS

Propriedades viscosas dos fluidos. Vazamento de líquidos. Fluxo complexo de fluidos. Leito fixo. Leito fluidizado. Elutriação. Lei de Stokes. Princípios de Engenharia de vácuo. Transferência de calor em regime permanente (condução, convecção e irradiação). Transferência de calor em regime não permanente. Transferência de calor na solidificação. Correlações empíricas adimensionais.

  • Código:
    MR5030
  • Coordenação:
    DANIELLA CALUSCIO DOS SANTOS
  • Carga Horária Total:
    80 Horas

TERMODINAMICA E CINÉTICA APLICADAS

TERMODINAMICA E CINÉTICA APLICADAS

Soluções ideais: lei de Raoult. Desvios da idealidade: lei de Henry. Atividade henriana. Escalas de atividade. Conversão de estados de referência. Soluções regulares. Sistemas multicomponentes. Equação de Gibbs-Duhem. Propriedades termodinâmicas ligadas aos diagramas de equilíbrio de fases. Reações envolvendo fases sólida e líquida. Natureza física das soluções. Introdução à termodinâmica das escórias. Uso do Thermocalc como ferramenta para a avaliação termodinâmica de sistemas. Introdução à cinética das reações químicas. Velocidade das reações químicas.Métodos de abordagem cinética (empírica, semi-empírica e mecanística). Reações entre fluidos e sólidos. Teoria do complexo ativado. Reações homogêneas e heterogêneas. Transporte de massa em fase fluida. Controle da velocidade das reações. Formação de bolhas em líquidos.

  • Código:
    MR5040
  • Coordenação:
    KATSUJIRO SUSAKI
  • Carga Horária Total:
    120 Horas

TÉCNICAS DE CARACTERIZAÇÃO DE MATERIAIS

TÉCNICAS DE CARACTERIZAÇÃO DE MATERIAIS

Introdução aos métodos de caracterização dos materiais. Métodos envolvendo imagens. Microscopia óptica. Microscopia óptica de transmissão e de reflexão. Estereologia quantitativa. Microscopia eletrônica de varredura. Principais interações do feixe de elétrons com a amostra. Produção e análise de imagens no microscópio eletrônico. Análise química de microrregiões. Microscopia eletrônica de transmissão. Contraste. Técnica de difração de elétrons em área selecionada. Padrão de difração de pontos. Análise térmica: termogravimetria; análise térmica diferencial, calorimetria exploratória diferencial e análise química envolvendo gás de arraste. Análise química: técnicas de radiação eletromagnética incidente e métodos relacionados. Espectroscopia de fluorescência, emissão e absorção atômica. Caracterização de pós.

  • Código:
    MR5211
  • Coordenação:
    JULIO CESAR DUTRA
  • Carga Horária Total:
    80 Horas

MATERIAIS POLIMÉRICOS

MATERIAIS POLIMÉRICOS

Conceitos Fundamentais em Polímeros. Configuração e Conformação de Cadeia. Massas Molares e Distribuição de Massas Molares. Propriedades físico-químicas de soluções poliméricas. Técnicas de Caracterização de Massas Molares. Estrutura dos polímeros no estado sólido. Cinética de Cristalização. Propriedades térmicas de polímeros e suas determinações. Propriedades Dinâmico-Mecânicas em Polímeros. Viscoelasticidade em Polímeros. Elasticidade da Borracha.

  • Código:
    MR5320
  • Coordenação:
    ADRIANA M CATELLI DE SOUZA
  • Carga Horária Total:
    80 Horas

MINERALOGIA E TRATAMENTO DE MINÉRIOS

MINERALOGIA E TRATAMENTO DE MINÉRIOS

Desenvolver no aluno a capacidade de reconhecer os principais minerais metálicos e não metálicos. A capacidade de reconhecer as rochas ígneas, metamórficas e sedimentares, através de aulas teóricas e práticas. Estudo de geoquímica da Crosta Terrestre e da petrogênese de rochas ígneas para comparação com a metalurgia dos materiais metálicos. Estudo de microscopia de minérios: classificação e determinação. Introdução ao Tratamento de Minérios, nas operações de Cominuição (britagem e moagem), Concentração (gravítica, magnética, eletrostática, por flotação, meios densos, mesa vibratória).

  • Código:
    MR5420
  • Coordenação:
    MARCOS ALVES DE ALMEIDA
  • Carga Horária Total:
    80 Horas

MATERIAIS CERÂMICOS

MATERIAIS CERÂMICOS

Introdução aos Materiais Cerâmicos: Definições, tipos e aplicações; Princípios de Cerâmica Física; Matérias-Primas Cerâmicas ; Conformação; Sinterização e aspectos microestruturais; Relação entre microestrutura e propriedades mecânicas; mecanismos de tenacificação; Choque térmico.

  • Código:
    MR5510
  • Coordenação:
    FERNANDO DOS SANTOS ORTEGA
  • Carga Horária Total:
    80 Horas

SOCIOLOGIA DAS ORGANIZAÇÕES

SOCIOLOGIA DAS ORGANIZAÇÕES

Análise sociológica das organizações. Cultura e Poder nas organizações. Os novos paradigmas organizacionais: Capital Intelectual, Inovação, Empreendedorismo, Liderança, Relacionamento Interpessoal e conflito de gerações, Responsabilidade Social. O engenheiro e o mercado de trabalho.

  • Código:
    CS6222
  • Coordenação:
    CARLA ANDREA SOARES DE ARAUJO
  • Carga Horária Total:
    40 Horas

TRANSFORMAÇOES DE FASE NO ESTADO LIQUIDO

TRANSFORMAÇOES DE FASE NO ESTADO LIQUIDO

Características da estrutura bruta de solidificação: macroestrutura e microestrutura. Nucleação e crescimento na solidificação. Solidificação de solução sólida monofásica: estrutura dendrítica. Solidificação eutética. Solidificação peritética. Segregação. Solidificação das ligas Al-Si, dos ferros fundidos e dos aços. Processos especiais: refino de ligas por fusão zonal e solidificação direcional. Princípios de modelagem matemática da solidificação. Análise metalográfica de metais e ligas fundidas.

  • Código:
    MR6010
  • Coordenação:
    RODRIGO MAGNABOSCO
  • Carga Horária Total:
    80 Horas

DELINEAMENTO DE EXPERIMENTOS

DELINEAMENTO DE EXPERIMENTOS

Princípios básicos da experimentação. Delineamento de experimentos: objetivos, aplicações e tipos de experimentos. Delineamentos experimentais: inteiramente casualizado, blocos ao acaso, quadrado latino. Comparações múltiplas: contrastes de médias, teste de Tukey, teste de Duncan. Aplicação das técnicas de Taguchi.

  • Código:
    MR6140
  • Coordenação:
    RICARDO AURELIO DA COSTA
  • Carga Horária Total:
    40 Horas

ENSAIOS DE MATERIAIS

ENSAIOS DE MATERIAIS

Ensaios de dureza, tração, compressão uniaxial, compressão diametral, flexão, impacto e fadiga. Mecânica da fratura e fluência de materiais metálicos, cerâmicos e poliméricos.

  • Código:
    MR6230
  • Coordenação:
    GIGLIOLA SALERNO
  • Carga Horária Total:
    80 Horas

SINTESE E MODIFICAÇÃO DE POLIMEROS

SINTESE E MODIFICAÇÃO DE POLIMEROS

Fontes de matérias-primas. Nomenclatura. Classificação dos Processos de Polimerização (Classificação de W. H. Carothers) Polimerização por Condensação; Polimerização por adição. Classificação dos Processos de Polimerização (Classificação segundo P. J. Flory: baseado no mecanismo de polimerização) Polimerizações em Etapas. Reatividade de Grupos Funcionais; Cinética de Polimerização em Etapas; Ciclização versus Polimerização Línear. Controle de Massa Molecular em Polimerização Linear. Distribuição de Massa Molecular em Polimerização linear. Polimerizações em Cadeia. Polimerização por Abertura de Anel Polimerização em cadeia via Complexos de Coordenação. Copolimerização em Cadeia. Técnicas de Polimerizações. Graftização (Enxertia) e Reticulação de Polímeros. Vulcanização em elastômeros. Estabilização e Degradação em Polímeros.

  • Código:
    MR6330
  • Coordenação:
    LUZ CONSUELO G A PANZARINI
  • Carga Horária Total:
    40 Horas

PROCESSOS SIDERURGICOS

PROCESSOS SIDERURGICOS

Produtos e semi-acabados siderúrgicos. Matérias primas siderúrgicas. Equipamentos e fluxograma de produção. Coqueificação. Processos de aglomeração. Fundamentos da redução de minério de ferro. Redução de minério de ferro no alto forno. Outros processos de redução. Pré-tratamento de gusa. Fundamentos do refino de aço. Aciaria LD. Aciaria elétrica. Refino secundário. Processos de lingotamento. Fundamentos da solidificação de aços. Lingotamento contínuo. Qualidade dos semi-acabados. Aspectos de gestão das atividades siderúrgicas.

  • Código:
    MR6420
  • Coordenação:
    KATSUJIRO SUSAKI
  • Carga Horária Total:
    120 Horas

FORNOS E REFRATÁRIOS INDUSTRIAIS

FORNOS E REFRATÁRIOS INDUSTRIAIS

Fornos de tratamento térmico e respectivas aplicações industriais; Aspectos construtivos de fornos elétricos e à combustível; Refratários: Tipos, aplicações, projeto, desgaste; Combustíveis: princípios de combustão, otimização do uso de combustíveis, Temperatura de chama; Equipamentos auxiliares; Projeto de fornos Elétricos; Principais reatores de síntese e processamento de materiais

  • Código:
    MR6520
  • Coordenação:
    GILBERTO JOSE PEREIRA
  • Carga Horária Total:
    40 Horas

METALURGIA DO PÓ

METALURGIA DO PÓ

Etapas do processamento de um material a partir de pós. Tecnologias de fabricação de pós. Moagem de materiais frágeis ou fragilizados. Atomização de metais no estado líquido. Obtenção de pós metálicos a partir de soluções químicas. Processos termoquímicos (redução de óxidos, carbonetação e nitretação de pós metálicos). Processo Carbonila. Matérias primas para cerâmicas. Características físicas e propriedades tecnológicas de pós. Conformação ou compactação de pós. Sinterização. Fornos e atmosferas de sinterização. Processos posteriores à Sinterização. Normalização de pós metálicos e Produtos Sinterizados.

  • Código:
    MR6720
  • Coordenação:
    DOMINGOS T.A. FIGUEIRA FILHO
  • Carga Horária Total:
    40 Horas

CUSTOS INDUSTRIAIS

CUSTOS INDUSTRIAIS

Contabilidade básica, Balanço, Demonstrativo de resultados, Custos diretos e indiretos, Sistemas de apuração de custos - por ordem de produção, por processos, por departamento, por atividades

  • Código:
    PR6320
  • Coordenação:
    FERNANDO CEZAR LEANDRO SCRAMIM
  • Carga Horária Total:
    40 Horas

MORAL E RELIGIÃO

MORAL E RELIGIÃO

Oferecer elementos que apresentem o `problema religioso` enfocado a partir dos eixos antropológico, ético e teológico, que se encontram implicados diante da delicada questão da consciência religiosa do homem contemporâneo, influenciado pelas inúmeras consequências do relativismo moral e filosófico.

  • Código:
    CS7131
  • Coordenação:
    DIEGO GENU KLAUTAU
  • Carga Horária Total:
    40 Horas

TRANSFORMAÇÕES DE FASE NO ESTADO SÓLIDO

TRANSFORMAÇÕES DE FASE NO ESTADO SÓLIDO

Tipos de transformações no estado sólido. Conceitos termodinâmicos e cinéticos aplicados às transformações de fases mais comuns. Transformações no estado sólido com difusão: massiva; ordem /desordem. Sistema FeC: transformações de fases em condições de equilíbrio; transformações fora de equilíbrio: curvas TTT e TRC; transformação sem difusão: transformação martensítica. Efeito dos elementos de liga nos aços. Metalografia de metais e ligas após transformações de fases no estado sólido.

  • Código:
    MR7010
  • Coordenação:
    RODRIGO MAGNABOSCO
  • Carga Horária Total:
    80 Horas

ELETROQUÍMICA E CORROSÃO

ELETROQUÍMICA E CORROSÃO

Eletroquímica: fundamentos e aplicações. Pilhas. Eletrólise. Polarização. Equação de Tafel. Importância e custos da corrosão. Princípios básicos de corrosão. Tipos de Corrosão. Diagramas de Pourbaix. Cinética da corrosão eletroquímica. Passivação de metais. Oxidação em altas temperaturas. Corrosão em solos. Proteção contra corrosão. Proteção catódica. Proteção anódica. Inibidores de corrosão. Processos de revestimentos de superfícies. Revestimentos inorgânicos. Revestimentos de conversão. Revestimentos orgânicos. Revestimentos metálicos

  • Código:
    MR7020
  • Coordenação:
    ISOLDA COSTA
  • Carga Horária Total:
    120 Horas

REOLOGIA

REOLOGIA

Introdução. Tipos de Fluxo. Equações Constitutivas.Escoamento de Fluidos em Canais. Viscoelasticidade Linear. Introdução à Viscoelasticidade Não-Linear. Viscometria e Reometria. Comportamento reológico de sistemas poliméricos. Comportamento Reológico de sistemas particulados.

  • Código:
    MR7030
  • Coordenação:
    FERNANDO DOS SANTOS ORTEGA
  • Carga Horária Total:
    40 Horas

COMPORTAMENTO MECANICO DOS MATERIAIS

COMPORTAMENTO MECANICO DOS MATERIAIS

Relações entre tensão e deformação. Estados de tensão. Resistência mecânica e ductilidade. Comportamento dos materiais à fratura. Comportamento dos materiais anisotrópicos. Efeito da microestrutura sobre o comportamento mecânico.

  • Código:
    MR7210
  • Coordenação:
    GIGLIOLA SALERNO
  • Carga Horária Total:
    40 Horas

PROCESSOS DE EXTRAÇÃO E REFINO

PROCESSOS DE EXTRAÇÃO E REFINO

Operações em extrativa: moagem, classificação, calcinação, Secagem, ustulação, sinterização. Redução carbotérmica e metalotérmica. Pirometalurgia: Processos de produção do matte e conversão de matte (processos Peirce-Smith), Hidrometalurgia: Processos Bayer. Eletrometalurgia: Processos Hall-Heroult , Processos Eletrolítico de refino, Processos especiais: Kroll, Pidgeon, Refino à vácuo.

  • Código:
    MR7420
  • Coordenação:
    DANIELLA CALUSCIO DOS SANTOS
  • Carga Horária Total:
    80 Horas

PROCESSAMENTO DE MATERIAIS CERÂMICOS

PROCESSAMENTO DE MATERIAIS CERÂMICOS

Cerâmicas tradicionais x avançadas. Matérias-primas cerâmicas: naturais e sintéticas. Critérios de seleção de matérias-primas: pureza e distribuição de tamanho de partículas. Caracterização de pós: composição química, fases, estrutura de poros e distribuição de tamanho de partícula, morfologia e área superficial. Modelos de Distribuição: Furnas, Alfred e Andreasen. Cominuição e processos pré-consolidação. Aditivos: ligantes, lubrificantes, plastificantes. Floculação e defloculação de suspensões cerâmicas. Conformação de materiais cerâmicos: prensagem, extrusão, colagem de barbotina, outras técnicas. Relação entre defeitos de processamento e propriedades mecânicas. Módulo de Weibull.

  • Código:
    MR7520
  • Coordenação:
    FERNANDO DOS SANTOS ORTEGA
  • Carga Horária Total:
    80 Horas

PROPRIEDADES FÍSICAS DOS MATERIAIS

PROPRIEDADES FÍSICAS DOS MATERIAIS

Propriedades Elétricas: fundamentos e definições, teoria de bandas, condutividade iônica e eletrônica, Dieletricidade, Piezoeletricidade, piroeletricidade, ferroeletricidade; Propriedades Magnéticas: Fundamentos e definições, Fenômenos magnéticos e aplicações, Microestrutura e propriedades magnéticas; Propriedades óticas: Fundamentos, intensidade luminosa, absorção e emissão, Fenômenos óticos e aplicações, Microestrutura e características ópticas dos materiais; Propriedades térmicas: Fundamentos e aplicações, Capacidade e condutividade térmica, Dilatação térmica.

  • Código:
    MR7820
  • Coordenação:
    PATRICIA SCHMID CALVÃO
  • Carga Horária Total:
    40 Horas

ANALISE ECONOMICA DE INVESTIMENTOS

ANALISE ECONOMICA DE INVESTIMENTOS

Matemática Financeira, Análise econômica de alternativas de investimentos. Substituição de equipamentos, Desconto de duplicatas, Influência do imposto de renda na avaliação de projeto, Tipos de financiamentos e prestações, Diagrama de equilíbrio

  • Código:
    PR7320
  • Coordenação:
    CLAUDIA APARECIDA DE MATTOS
  • Carga Horária Total:
    40 Horas

LEGISLAÇAO E NOÇOES DE DIREITO

LEGISLAÇAO E NOÇOES DE DIREITO

Noções de Direito: Organização do Estado Brasileiro. Sistema federativo e separação de poderes. Norma jurídica: estrutura, distinção e características. Processo legislativo. Revogação das leis. Efeitos das leis no tempo. Espécies normativas: Constituição Federal, Leis Ordinárias e Complementares, Medidas Provisórias e Atos Administrativos Normativos. Ramos do Direito. Ordenamento Jurídico. Legislação relacionada à engenharia: Aspectos peculiares do Direito do Trabalho em relação ao engenheiro, A propriedade intelectual e a profissão da engenharia, Código de Ética do Engenheiro, Regulamentação da profissão da engenharia.

  • Código:
    CS8411
  • Coordenação:
    FRANCISCO LUCIANO MINHARRO
  • Carga Horária Total:
    40 Horas

ELABORAÇÃO E DESENVOLVIMENTO DE PROJETOS

ELABORAÇÃO E DESENVOLVIMENTO DE PROJETOS

Produto e serviço. Projeto. Definição de projeto. Tipos de projetos. Projetos internos e externos. Etapas de um projeto. O ciclo de vida de um projeto. O ciclo PDCA. Documentos de um empreendimento. Participantes de um projeto. O Plano de Ação. Resumo do projeto. Detalhamento do projeto. Aspectos gerenciais do projeto. Análise de risco. Escolha da ferramenta gerencial. Fatores críticos de sucesso. Controle do projeto. Plano de Negócios.

  • Código:
    MR8110
  • Coordenação:
    GIORGIO ARNALDO ENRICO CHIESA
  • Carga Horária Total:
    40 Horas

PROCESSAMENTO DE POLIMEROS

PROCESSAMENTO DE POLIMEROS

Introdução aos Processos em polímeros. Extrusão em polímeros. Moldagem por injeção. Moldagem por sopro. Moldagem por Compressão. Termoformagem. Moldagem rotacional. Calandragem. Misturadores Intensivos. Matrizes e Moldes. Métodos de Compostagem. Fabricação de Blendas e Compósitos. Técnicas de Processamento de Termofixos.

  • Código:
    MR8310
  • Coordenação:
    BALTUS CORNELIUS BONSE
  • Carga Horária Total:
    80 Horas

TECNOLOGIA DE VIDROS

TECNOLOGIA DE VIDROS

O estado vítreo e estrutura dos vidros; Nucleação e crescimento; Separação de Fases; Matérias-Primas; Processos de Elaboração de vidros: Composição, homogeneização e afinagem; Processos de conformação de vidros ocos, planos, fibras, tubos e vidros especiais; Tratamentos Térmicos ; Defeitos em vidros ; Cor em Vidros. Propriedades físicas e químicas de vidros.

  • Código:
    MR8510
  • Coordenação:
    FERNANDO DOS SANTOS ORTEGA
  • Carga Horária Total:
    40 Horas

PROCESSO DE SOLDAGEM E JUNÇÃO

PROCESSO DE SOLDAGEM E JUNÇÃO

Nomenclatura e terminologia utilizada na soldagem. Processos de soldagem a arco elétrico. Processos especiais de soldagem. Processos de soldagem por pressão e por chama. Técnicas utilizadas em corte de materiais. Descontinuidades da soldagem. Metalurgia da soldagem e especificação de procedimento de soldagem. Processos de soldagem de materiais poliméricos e cerâmicos. Controle de qualidade na união de materiais. Processos de junção diversos

  • Código:
    MR8620
  • Coordenação:
    MAURICIO DAVID M DAS NEVES
  • Carga Horária Total:
    120 Horas

TRATAMENTOS TÉRMICOS

TRATAMENTOS TÉRMICOS

Aços: caracterização e princípios dos processos. Tratamentos de não endurecimento e endurecimento integral e superficial. Tratamentos termoquímicos e termomecânicos. Tratamento térmico de ferro fundido. Materiais não ferrosos: recozimento, recuperação, homogeneização, alívio de tensões e endurecimento. Mudanças dimensionais e tensões internas provocadas por tratamentos térmicos.

  • Código:
    MR8630
  • Coordenação:
    ALCINDO MARCIO LUDOVICE
  • Carga Horária Total:
    120 Horas

CONFORMAÇÃO PLÁSTICA

CONFORMAÇÃO PLÁSTICA

Fundamentos da conformação plástica. Caracterização e classificação dos processos. Efeitos dos parâmetros principais (temperatura, deformação, estado de tensões, atrito, tensões residuais, taxa de deformação). Conformabilidade: influência da microestrutura e curva de escoamento, forjabilidade. Aspectos metalúrgicos. Encruamento e deformação.

  • Código:
    MR8710
  • Coordenação:
    GIGLIOLA SALERNO
  • Carga Horária Total:
    60 Horas

ORGANIZAÇAO DA PRODUÇAO E SERVIÇOS

ORGANIZAÇAO DA PRODUÇAO E SERVIÇOS

Competitividade e produtividade, Sistemas de produção, Teoria das restrições: A Meta. Localização de empreendimento, Layout de instalações, Estudo de tempos e movimentos Balanceamento de linhas de produção, Gerenciamento de projetos: Pert/CPM.

  • Código:
    PR8140
  • Coordenação:
    PETRONIO GARCIA MARTINS
  • Carga Horária Total:
    40 Horas

TRABALHO FINAL DE CURSO I

TRABALHO FINAL DE CURSO I

Metodologia científica; revisão bibliográfica, elaboração e organização de uma monografia e apresentação de um trabalho.

  • Código:
    MR9110
  • Coordenação:
    DANIELLA CALUSCIO DOS SANTOS
  • Carga Horária Total:
    40 Horas

ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM ENGENHARIA DE MATERIAIS

ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM ENGENHARIA DE MATERIAIS

Realizar um trabalho, orientado pelo professor e apoiado por um responsável previamente designado dentro da empresa. O tema a ser abordado será definido pela empresa, dentro dos objetivos e interesse desta e com a concordância do professor.

  • Código:
    MR9120
  • Coordenação:
    JORGE KOLOSOSKI
  • Carga Horária Total:
    40 Horas

MATERIAIS AVANÇADOS

MATERIAIS AVANÇADOS

I: COMPÓSITOS. Classificação, definições e características. Resistência mecânica e flexibilidade de fibras. Geometria dos reforços. Fibras de vidro, boro, carbono, orgânicas, cerâmicas e naturais. Tecidos e preformas. Interface matriz-reforço. Compósitos de matriz polimérica: matrizes termorrígidas e termoplásticas; processamento e interfaces em PMC. Compósitos de matriz metálica: tipos de matriz metálica, processamento e interfaces em MMC. Compósitos de matriz cerâmica: matrizes cerâmicas, processamento, interfaces em CMC. Compósitos de matriz carbonosa. Micromecânica de compósitos. Propriedades térmicas e tensões higrotérmicas. Mecânica da transferência de carga matriz-fibra. II: NANOESTRUTURAS E NANOMATERIAIS. Introdução e definições básicas. Físico-química de superfícies sólidas. Síntese e processamento nanoestruturas 0-D, nanoestruturas 1-D e nanoestruturas 2-D. Caracterização e propriedades. Aplicações. III: BIOMATERIAIS. Histórico e definições. Introdução aos materiais biológicos e biomateriais metálicos, cerâmicos e poliméricos. Biocompatibilidade. Biodegradabilidade. Materiais de reconstrução e/ou substituição. Fabricação e Modificações Superficiais. Caracterização físico-química, mecânica e biológica de biomateriais. Sobre técnicas de preparação e caracterização de biomateriais.

  • Código:
    MR9130
  • Coordenação:
    GILBERTO JOSE PEREIRA
  • Carga Horária Total:
    80 Horas

PROCESSOS DE FUNDIÇÃO

PROCESSOS DE FUNDIÇÃO

Macroestruturas de solidificação, fluidez de líquidos, convecção no líquido, microssegregação, macrossegregação, homogeneização, cálculo dos sistemas de alimentação, simulação da solidificação por elementos finitos defeitos de fundição. Metais e ligas para fundição. Métodos e operações de fundição. Processos de fundição por modelos e moldes destrutivos e não destrutivos. Projeto e dimensionamento de moldes e modelos. Equipamento de fundição. Técnicas de lingotamento intermitente. Fundição e lingotamento contínuo.

  • Código:
    MR9720
  • Coordenação:
    JOAO LUIS ABEL
  • Carga Horária Total:
    120 Horas

PROCESSOS DE LAMINAÇÃO E FORJAMENTO

PROCESSOS DE LAMINAÇÃO E FORJAMENTO

Processamento por laminação: parâmetros importantes, análise do processo (equipamento, materiais laminados, ciclos de esfriamento e modelamento matemático), laminação de produtos planos e não planos (longos). Processamento por forjamento: previsão do comportamento no forjamento, métodos e processos (operações básicas, forja livre e forjamento em matriz). Equipamentos, matrizes, análise de projetos (elementos do desenho e projetos de forjados). Estudo de exemplos representativos.

  • Código:
    MR9730
  • Coordenação:
    GIGLIOLA SALERNO
  • Carga Horária Total:
    60 Horas

TRIBOLOGIA

TRIBOLOGIA

Definição e importância econômica da tribologia. Atrito: leis fundamentais e teorias. Lubrificação: modos de lubrificação. Desgaste: classificação. Desgaste por deslizamento. Desgaste por abrasão. Desgaste por erosão. Engenharia de superfície.

  • Código:
    MR9810
  • Coordenação:
    RICARDO AURELIO DA COSTA
  • Carga Horária Total:
    40 Horas

HIGIENE E SEGURANÇA DO TRABALHO E ERGONOMIA

HIGIENE E SEGURANÇA DO TRABALHO E ERGONOMIA

....

  • Código:
    PR9410
  • Coordenação:
    JOSE ELIAS DE PAULA
  • Carga Horária Total:
    40 Horas

PESQUISA OPERACIONAL

PESQUISA OPERACIONAL

...

  • Código:
    PR9620
  • Coordenação:
    JOSE AGOSTINHO BAITELLO
  • Carga Horária Total:
    40 Horas

SELEÇÃO DE MATERIAIS E ANALISE DE FALHAS

SELEÇÃO DE MATERIAIS E ANALISE DE FALHAS

Características gerais dos materiais, preços e consumo. Filosofia de compromisso em seleção de materiais. Custo versus desempenho em seleção de materiais. Critérios gerais de seleção de materiais. Motivação para seleção de materiais. Importância da análise de falhas na seleção de materiais. Formalização do processo de seleção de materiais. Seleção baseada em otimização de propriedades. Utilização de programa CES-EduPack para seleção de materiais. Objetivos da análise de falhas. Origem e tipos de falhas. Procedimentos para análise de falhas. Estudo de casos.

  • Código:
    MR0820
  • Coordenação:
    WILLIAM NAVILLE
  • Carga Horária Total:
    60 Horas

SISTEMAS DE ADMINISTRAÇÃO DA QUALIDADE

SISTEMAS DE ADMINISTRAÇÃO DA QUALIDADE

Teorias de Deming, TQC e QFD. Estrutura de um programa de qualidade. Programas estruturalista e comportamentalista. Táticas usadas na implantação dos programas. Controle estatístico de processo.

  • Código:
    MR0110
  • Coordenação:
    WILLIAM NAVILLE
  • Carga Horária Total:
    60 Horas

CORRELAÇÃO ENTRE OS PROCESSAMENTOS DE MATERIAIS

CORRELAÇÃO ENTRE OS PROCESSAMENTOS DE MATERIAIS

Comparação dos processos de produção e conformação de materiais metálicos, cerâmicos e poliméricos. Análise das similaridades e identificação do que caracteriza cada processo. Utilização do programa CES-EduPack para orientação dos processos para os diferentes materiais.

  • Código:
    MR0610
  • Coordenação:
    WILLIAM NAVILLE
  • Carga Horária Total:
    40 Horas

PROCESSOS DE EXTRUSÃO E TREFILAÇÃO

PROCESSOS DE EXTRUSÃO E TREFILAÇÃO

Processamento por extrusão: significado, equipamentos e ferramentas, condições para extrusão, estrutura dos extrudados, extrusão de tubos, variáveis do processo (temperatura, velocidade de deformação, atrito e lubrificação, pressão para extrudar, tensões e modelos de deformações, pressão hidrostática), análise e modelamento do processo. Processamento por trefilação: significado e aspectos teóricos, equipamento e ferramental, ductilidade e resistência à deformação, materiais para trefila-lação e trefilados, evolução microestrutural na trefilação, atrito e lubrificação, trefilação de tubos. Tratamentos térmicos do fio e do arame (recozimento, patenteamento e endurecimento).

  • Código:
    MR0730
  • Coordenação:
    GIGLIOLA SALERNO
  • Carga Horária Total:
    40 Horas

SIMULAÇÃO DE PROCESSOS EM ENGENHARIA DE MATERIAIS

SIMULAÇÃO DE PROCESSOS EM ENGENHARIA DE MATERIAIS

Fundamentos da modelagem. Modelos matemáticos. Algorítmos de simulação. Abordagens de simulação. Modelos complexos. Uso de simuladores comerciais. Introdução à otimização. Ajuste de modelos a dados experimentais.

  • Código:
    MR0130
  • Coordenação:
    LUIS CALDAS
  • Carga Horária Total:
    40 Horas

USINAGEM

USINAGEM

Fundamentos dos processos de conformação por usinagem. Terminologia. Conceitos básicos. Movimentos de corte. Relações geométricas. Mecanismos de formação do cavaco. Temperatura de corte. Fluidos de corte. Aspectos de higiene e segurança. Materiais para ferramentas de corte: aços ferramenta, aços rápidos convencionais, aços rápidos sinterizados, ligas ao cobalto, carbonetos duros (metal duro), cerâmicas de corte, materiais policristalinos duros. Tratamentos térmicos de ferramentas. Revestimentos duros. Estudo do desgaste de ferramentas de corte. Usinabilidade dos materiais. Custo e viabilidade econômica do processo.

  • Código:
    MR0740
  • Coordenação:
    DOMINGOS T.A. FIGUEIRA FILHO
  • Carga Horária Total:
    40 Horas

TRABALHO FINAL DE CURSO II

TRABALHO FINAL DE CURSO II

Trabalho de pesquisa supervisionada por professor orientador com o objetivo de elaborar um trabalho de integração de disciplinas.

  • Código:
    MR0120
  • Coordenação:
    DANIELLA CALUSCIO DOS SANTOS
  • Carga Horária Total:
    40 Horas

Disciplinas

INGRESSANTES A PARTIR DE 2019

Diurno

Clique nos ciclos abaixo para mais detalhes:

Cálculo Diferencial e Integral I

Cálculo Diferencial e Integral I

Conceito de Função. Funções Básicas. Limites. Formas Indeterminadas. Limites Fundamentais. Derivadas. Interpretação Geométrica. Propriedades Operatórias.

Cálculo Vetorial e Geometria Analítica

Cálculo Vetorial e Geometria Analítica

Matrizes. Vetores no Plano e no Espaço. Operações com Vetores. Dependência Linear. Bases. Produtos. Sistemas de Coordenadas. Retas e Planos. Superfícies Esféricas

Desenho Técnico

Desenho Técnico

Introdução aos conceitos básicos para a interpretação e elaboração de desenhos técnicos utilizados em engenharia. Representação de figuras planas e perspectivas. Elaboração de croquis. Projeções ortográficas convencionais e com utilização de cortes. Dimensionamento e escalas. Trabalhos práticos manuais com instrumentos e por meio de software CAD.

Física I

Física I

Medidas físicas; Cinemática da partícula; Dinâmica da partícula: Forças e leis de Newton; Trabalho, energia e conservação da energia; Impulso, momento linear e conservação do momento linear.

Laboratório de Matemática

Laboratório de Matemática

Conversão de relações descritas em língua natural (propostas de problemas) para a forma de expressões matemáticas e lógicas (modelos matemáticos) utilizando Funções Básicas. Desenvolvimento de soluções em ambiente computacional.

Práticas de Inovação I

Práticas de Inovação I

Conceito de inovação (descoberta x invenção x inovação); tipos de inovação (produto, processo, marketing, método organizacional e modelo de negócio); formulação de problema e geração de ideias (técnicas de formulação de perguntas, ferramenta de Design Thinking ((pensar de forma criativa e visual e usado geralmente quando o problema não está bem definido)) e o método do 5W1H); seleção de ideias (uso da ferramenta do Funil da Inovação) e difusão de ideias em seus diferentes graus (incremental, radical e mudança de paradigma); algumas ferramentas de auxílio do Google: Analytics, Adsense e Adwords.

Sociologia

Sociologia

Principais conceitos sociológicos. Trabalho objetivo e subjetivo. A transformação da organização social do trabalho. Trabalho, identidade e interação social. A quarta revolução industrial: trabalho, economia, cultura e política. Novos paradigmas sociais. Estado e políticas de inserção social. Desigualdades, conflitos sociais, identidade e diversidade. Multiculturalismo e pluralidade.

Cálculo Diferencial e Integral II

Cálculo Diferencial e Integral II

Aplicações de Derivadas: otimização, regra do L’Hospital, esboço de gráficos de funções. Diferenciais e Taxa de Variação. Integrais indefinidas. Técnicas de Integração. Integrais definidas. Aplicações.

Comunicação e Expressão

Comunicação e Expressão

Textos literários e textos não literários. Níveis de linguagem, linguagem coloquial e norma culta. Leitura e interpretação de textos dissertativos, científicos e jornalísticos. Estrutura do texto dissertativo. Estrutura do parágrafo e tópico frasal; coesão e coerência textuais. Argumentação: tipos de argumento. Tópicos de linguagem. Produção textual.

Eletrônica Geral

Eletrônica Geral

Representação Analógica e Digital e suas interfaces. Introdução aos Circuitos Lógicos. Controladores Lógicos Programáveis e Microcontroladores. Instrumentação e amplificação. Sensores e Atuadores. Processamento de Sinais. Comunicação Digital.

Filosofia

Filosofia

Realismo. Investigação existencial e Experiência. Razão e Razoabilidade. Certeza moral e Fé. Moralidade no conhecimento. Razão e Sentimento. Senso religioso. Pessoa e o Infinito.

Física II

Física II

Oscilações simples, amortecidas e forçadas. Ressonância. Ondas mecânicas. Equilíbrio térmico e calor. Transferência de calor: condução, convecção e radiação. Propriedades térmicas da matéria. Primeira lei da termodinâmica, trabalho, energia e processos termodinâmicos simples. Segunda lei da termodinâmica, entropia, máquinas térmicas e refrigeradores.

Introdução à Computação

Introdução à Computação

Introdução e conceitos básicos de Algoritmos. Noções sobre bases de numeração: decimal, binária, hexadecimal. Tipos básicos de dados. Variáveis, fluxos sequenciais, operadores matemáticos, lógicos e relacionais. Estruturas de controle de seleção. Estruturas de controle de repetição. Modularização. Tipos de dados estruturados homogêneos.

Práticas de Inovação II

Práticas de Inovação II

Competências para inovar (liderança, ferramenta DISC para avaliação pessoal, tipos de profissional); risco x incerteza (transformar incerteza em risco, classificando em tipo de grau de risco); Effectuation (metodologia de desenvolvimento de negócio); metodologia de validação de ideias; construção de um MVP Minimum Viable Product no laboratório de informática (elaboração de vídeos, app, blogs, fotos etc); marketing digital e mídias sociais.

Química Geral

Química Geral

Quantidade de matéria; Gases; Líquidos; Estequiometria; Equilíbrio líquido – vapor. Balanço Material. Termoquímica; Combustão e combustíveis; Lubrificantes e lubrificação; Eletroquímica.

Cálculo Diferencial e Integral III

Cálculo Diferencial e Integral III

Funções de Várias Variáveis. Derivadas Parciais. Diferenciais. Integrais Múltiplas. Integrais de Linha. Operadores: Gradiente, Divergente e Rotacional.

Ensino Social Cristão

Ensino Social Cristão

Natureza do Ensino Social Cristão. Princípios norteadores. Dignidade humana e Direitos humanos. Princípio da Solidariedade; Princípio da Subsidiariedade e do Bem Comum. Justiça e Misericórdia. Política: papel do Estado e grupos intermediários. Liberdade religiosa. Economia, ética e destinação universal dos bens. A questão do trabalho humano. Solidariedade, economia e desenvolvimento integral.

Equações Diferenciais

Equações Diferenciais

Equações diferenciais de primeira Ordem: Variáveis Separáveis, Homogêneas, Lineares e Exatas. Equações Diferenciais de Segunda Ordem com Coeficientes Constantes: Homogênea e Completa. Modelagem Matemática.

Fenômenos de Transporte

Fenômenos de Transporte

Conceitos fundamentais de mecânica dos fluidos; Hidrostática; Conservação da massa e energia em volume de controle; equação de Bernoulli; Modos de transferência de calor: condução, convecção e radiação; Experimentos em laboratório de fenômenos de transporte.

Física III

Física III

Carga elétrica, campo elétrico, força elétrica e fluxo de campo elétrico. Corrente elétrica, campo magnético, força magnética e fluxo de campo magnético. Movimento de cargas puntiformes em campos elétrico e magnético. Potencial elétrico, energia potencial elétrica e capacitância. Indução eletromagnética, energia magnética e indutância. Campos elétricos e magnéticos na matéria.

Introdução à Engenharia de Materiais

Introdução à Engenharia de Materiais

Evolução histórica dos materiais e o papel dos materiais na sociedade. Profissão de engenheiro de materiais. Funcionalidade dos materiais de engenharia. Técnicas de pesquisa bibliográfica e elaboração de relatórios. Desenvolvimento de trabalho prático.

Mecânica Geral

Mecânica Geral

Centroide, centro de massa e momentos de inércia. Sistemas de forças e forças distribuídas. Equilíbrio. Cinemática do corpo rígido: translação, rotação e centro instantâneo de rotação. Dinâmica do corpo rígido: translação e rotação.

Princípios de Ciência e Engenharia de Materiais

Princípios de Ciência e Engenharia de Materiais

Tipos de ligações químicas em sólidos de substâncias puras e seu papel na determinação de: (1) propriedades físicas fundamentais; (2) estruturas atômicas/moleculares; (3) classes de materiais; (4) propriedades mecânicas básicas. Influência das estruturas e microestruturas nas propriedades dos materiais. Introdução a relação entre estrutura/propriedades/processamento e desempenho de materiais.

Álgebra Linear e Aplicações

Álgebra Linear e Aplicações

Sistemas Lineares. Espaços Vetoriais. Subespaços Vetoriais. Bases e Dimensões. Transformações Lineares. Autovalores e Autovetores. Espaços Vetoriais com Produto Interno. Aplicações.

Ecologia e Sustentabilidade

Ecologia e Sustentabilidade

A questão ambiental e a vida humana. Teoria Ecológica: Sociedade, Desenvolvimento e Meio Ambiente. O Impacto das novas tecnologias. Eficiência energética. Produção Mais Limpa. Eco eficiência. Logística reversa. Produção sustentável e Análise de Ciclo de Vida do Produto. Normas e Certificações.

Eletricidade Geral

Eletricidade Geral

Circuitos de corrente contínua. Potência gerada e dissipada. Circuitos de corrente alternada. Fator de Potência. Circuitos trifásicos. Motores e geradores elétricos. Geração, Transmissão e Distribuição de Energia Elétrica. Fornecimento de Energia – Tarifação.

Estrutura dos Materiais

Estrutura dos Materiais

Origem da estrutura cristalina. Simetria e seus operadores. Célula unitária. Estruturas de materiais metálicos, cerâmicos e poliméricos. Índices de Miller para planos e direções em cristais. Difração de raios-X em materiais cristalinos. Imperfeições e seus desdobramentos em materiais cristalinos e não-cristalinos. Discordâncias e deformação plástica. Mecanismos de aumento de resistência em materiais cristalinos e parcialmente cristalinos.

Física Moderna

Física Moderna

Óptica física: polarização, interferência e difração. Relatividade: dilação temporal, contração espacial e equivalência entre massa e energia. Física quântica: fótons e efeito fotoelétrico, ondas de matéria e equação de Schrödinger, princípio da incerteza, interpretação probabilística e tunelamento, átomos e moléculas, condução de eletricidade nos sólidos, núcleos atômicos, radioatividade e energia nuclear.

Fundamentos de Química para Engenharia de Materiais

Fundamentos de Química para Engenharia de Materiais

Ligações químicas e suas propriedades. Estados da matéria. Espontaneidade de reações e cinética química. Ácidos e bases orgânicos e inorgânicos. Ácido-base de Lewis. Princípios de Eletroquímica. Química do carbono e suas nomenclaturas. Famílias de compostos orgânicos.

Iniciativas Inovadoras em Materiais

Iniciativas Inovadoras em Materiais

Estudos de casos de inovação em materiais fundamentados nos conhecimentos do 1º, 2º e 3º períodos. Prospecção de iniciativas inovadoras em veículos de divulgação científica e tecnológica e discussão em plenárias.

Laboratório de Física Moderna

Laboratório de Física Moderna

Experimentos em óptica física: polarização, interferência e difração. Experimentos em física quântica: espectros atômicos, difração de raios X, radiação de corpo negro, efeito fotoelétrico e ressonância magnética nuclear.

Mecânica dos Sólidos

Mecânica dos Sólidos

Complementos de estática. Elementos estruturais. Mecânica dos sólidos deformáveis: tensões, deformações, deslocamentos, classificação dos materiais estruturais e leis constitutivas. Modelagem de casos particulares: i) tração/compressão e flambagem; ii) cisalhamento puro e ligações mecânicas; iii) flexão pura, simples e composta; iv) torção e transmissão de potência em seções circulares; v) tensões térmicas.

Cálculo Numérico

Cálculo Numérico

Sistemas lineares: métodos exatos e iterativos. Zeros de funções. Aproximação de funções – Método dos Mínimos Quadrados. Interpolação – Método de Newton e Método de Lagrange. Integração numérica. Equações diferenciais – métodos numéricos.

Ensaios Mecânicos dos Materiais

Ensaios Mecânicos dos Materiais

Ensaios de dureza, tração, compressão, flexão, impacto, fadiga e não destrutivos. Tenacidade. Micromecanismos de fratura. Mecânica da fratura. Fluência de materiais.

Fenômenos de Transporte Aplicado a Materiais

Fenômenos de Transporte Aplicado a Materiais

Propriedades viscosas dos fluidos: gases, líquidos gerais e metais líquidos. Viscosidade de escórias. Fluidização. Leito Fluidizado. Modos de transferência de calor: condução, convecção e radiação. Transferência de calor em regime transiente. Transferência de calor na solidificação de metais. Transferência de massa: difusão, difusão em materiais não metálicos, permeabilidade e difusão em poros.

Gestão de Projetos

Gestão de Projetos

Fundamentos da gestão de projetos. As dimensões escopo, tempo, custo e qualidade em gestão de projetos. Gestão de projetos de inovação. Planejamento, programação e controle do projeto. Organização voltada a projetos. Qualidade em projetos. O modelo do Project Management Institute. Gestão de risco em projetos. Sistemas informatizados e aplicativos para apoio à gestão de projetos.

Modelos Probabilísticos

Modelos Probabilísticos

Probabilidade. Variáveis Aleatórias Discretas. Distribuição Conjunta de Variáveis Aleatórias Discretas. Distribuições de Variáveis Discretas: Binomial e Poisson. Distribuições de Variáveis Aleatórias Contínuas: Normal e Exponencial.

Química dos Polímeros

Química dos Polímeros

Conceitos Fundamentais em Polímeros. Configuração e Conformação de Cadeia. Classificação dos polímeros. Copolímeros. Polímeros de condensação e de adição. Polimerização em Etapas. Polimerização em cadeia: via radical, aniônica e catiônica. Polimerização estéreo-específica: Ziegler-Natta e outras. Polimerização por abertura de anel. Métodos físicos de polimerização: batelada, solução, suspensão, emulsão. Degradação: processos gerais e métodos de controle. Técnicas de identificação de polímeros: identificação simples, FTIR, DSC e TGA.

Técnicas de Caracterização de Materiais

Técnicas de Caracterização de Materiais

Métodos envolvendo imagens: microscopias óptica, eletrônica de varredura e transmissão. Estereologia quantitativa. Produção e análise de imagens no microscópio eletrônico. Análise química de microrregiões. Técnicas de difração. Análise térmica: termogravimetria; calorimetria exploratória diferencial e análise química envolvendo gás de arraste. Análise química: técnicas de radiação eletromagnética incidente e métodos relacionados.

Termodinâmica Aplicada

Termodinâmica Aplicada

Estequiometria e balanço de massa. Primeira lei da termodinâmica: entalpia. Balanço térmico. Segunda lei da termodinâmica: entropia. Funções auxiliares: energia livre de Gibbs. Termodinâmica de soluções gasosas e condensadas: conceitos de atividade e potenciais termodinâmicos. Diagramas de Ellingham.

Engenharia Reversa e Inovação

Engenharia Reversa e Inovação

Engenharia reversa de produtos com ênfase na caracterização dos materiais que os compõe e suas propriedades. Proposição de soluções inovadoras em materiais.

Estrutura e Propriedades de Polímeros

Estrutura e Propriedades de Polímeros

Estrutura das fases dos polímeros no estado sólido. Cinética de Cristalização. Propriedades térmicas de polímeros. Propriedades mecânicas dos polímeros.Caracterização térmica e mecânica de polímeros. Massas Molares e Distribuição de Massas Molares. Soluções poliméricas. Técnicas de Caracterização de Massas Molares. Conceituação de compósitos, blendas e compostos poliméricos. Aditivação. Viscoelasticidade em Polímeros. Propriedades Dinâmico-Mecânicas em Polímeros. Elasticidade da Borracha.

Extração e Beneficiamento de Matérias Primas

Extração e Beneficiamento de Matérias Primas

Estudo da crosta terrestre. Tipos de rochas. Minerais e minérios. Petrologia. Operações unitárias de cominuição e separação: britamento, moagem e classificação. Beneficiamento. Preparação de combustíveis e minérios: calcinação, secagem e ustulação. Processos de redução. Pirometalurgia. Hidrometalurgia. Eletrometalurgia. Craqueamento do petróleo.

Fundamentos de Transformações de Fase

Fundamentos de Transformações de Fase

Compreender as bases termodinâmicas dos diagramas de equilíbrio. Interpretar diagramas de equilíbrio binários e ternários. Modelagem computacional de equilíbrio termodinâmico. Difusão em meios líquidos e sólidos. Interfaces e sua caracterização termodinâmica. Solidificação de substâncias puras e de sistemas binários monofásicos. Homogeneização de sistemas sólidos monofásicos. Recuperação, recristalização e crescimento de grãos. Precipitação a partir de solução sólida supersaturada e decomposição espinodal. Solidificação de eutéticos binários.

Introdução aos Materiais Cerâmicos

Introdução aos Materiais Cerâmicos

Definição, classificação e aplicações dos materiais cerâmicos. Matérias-primas e processos de fabricação dos materiais cerâmicos. Estrutura cristalina em cerâmicas. Imperfeições estruturais. Superfícies, interfaces e contornos de grão. Sinterização no estado sólido e com formação de fase líquida. Microestruturas cerâmicas.

Metodologia da Pesquisa

Metodologia da Pesquisa

A pesquisa e a produção metodológica de conhecimento. Projeto de pesquisa científica. Taxonomias e tipos de pesquisas. Procedimentos e etapas de um trabalho científico (tema, problema, objetivos, hipóteses, justificativas). Citações e Referências bibliográficas. Plágio e ética na Pesquisa Científica. Níveis e variáveis de mensuração. Amostragem na pesquisa. Elementos pré-textuais, textuais e pós-textuais. As Referências e normas. Fontes de pesquisa e banco de patentes.

Métodos Estatísticos

Métodos Estatísticos

Amostragem. Distribuições Amostrais. Intervalos de Confiança. Testes de Hipóteses para a Média e a Proporção. Correlação e Regressão. Teste de Qui-Quadrado. Análise de Variância. Desenho de Experimentos.

Termodinâmica e Cinética Aplicadas

Termodinâmica e Cinética Aplicadas

Escalas de atividade. Interações entre solutos. Solubilidade de gases em metais. Funções de mistura. Modelos de soluções. Equilíbrio de fases. Termodinâmica dos diagramas de equilíbrio de fases. Introdução à termodinâmica das escórias. Propriedades das escórias. Introdução à cinética de processos. Reações heterogêneas. Fenômenos interfaciais.

Comportamento Mecânico dos Materiais

Comportamento Mecânico dos Materiais

Estados de tensão. Relações entre tensão e deformação no regime elástico. Critérios de escoamento e falha. Plasticidade. Comportamento dos materiais em função da temperatura e da taxa de deformação.

Economia

Economia

Breve história do pensamento econômico. Microeconomia: oferta e demanda, elasticidade e custo marginal. Função produção. Inovação tecnológica no contexto da economia da empresa. Macroeconomia: taxa de juros, câmbio, moeda, dívida pública, PIB, desemprego, inflação. Introdução à organização industrial.

Eletroquímica e Corrosão

Eletroquímica e Corrosão

Eletroquímica, Pilhas, Eletrólise, Aplicações; Conceito de polarização (polarização de ativação, polarização de concentração e polarização de resistência). Corrosão: Princípios termodinâmicos e cinéticos. Diagramas de Pourbaix; Cinética da corrosão eletroquímica; Passivação de metais e ligas metálicas. Corrosão em diversos meios. Introdução aos tipos de proteção contra a corrosão.

Ética

Ética

O âmbito da ética. Relações étnico-raciais, discriminação e xenofobia. Ética da Lei Natural. Fundamentos da Lei Natural. A opção fundamental e os comportamentos concretos. Direito natural e direito positivo. Ética, ciência e tecnologia. Éticas aplicadas: códigos de ética profissionais; ética dos negócios e ética concorrencial.

Metalurgia do pó

Metalurgia do pó

Amostragem de materiais particulados. Processos de obtenção de pós através de: Moagem de materiais frágeis ou fragilizados; Eletrólise; Redução de Óxidos; Processo Carbonila; Atomização. Caracterização de pós metálicos. Conformação de pós: Adensamento sem aplicação de pressão; Compactação unidirecional e isostática; Moldagem por injeção; Extrusão; Sinterforjamento. Sinterização no estado sólido e por fase líquida. Fornos e atmosferas para sinterização. Caracterização de Produtos Sinterizados. Compósitos metal-cerâmica.

Práticas Inovadoras em Projetos na Engenharia de Materiais

Práticas Inovadoras em Projetos na Engenharia de Materiais

Princípios básicos da experimentação e aplicação de ferramentas de delineamento de experimentos na otimização de recursos para o desenvolvimento de projetos inovadores.

Processamento de Materiais Cerâmicos

Processamento de Materiais Cerâmicos

Caracterização de pós e critérios para seleção de matérias-primas. Modelos de distribuição de tamanhos de partículas. Formulação de produtos cerâmicos. Cominuição e processos pré-consolidação. Aditivos de processamento. Dispersão de pós em líquidos e reologia de suspensões cerâmicas. Processos de conformação: prensagem, extrusão, colagem de barbotina, outras técnicas. Relação entre defeitos de processamento e propriedades mecânicas.

Processos e Produtos Siderúrgicos

Processos e Produtos Siderúrgicos

Fluxograma de processo siderúrgico. Preparação de matérias primas. Redução de minério de ferro. Aciaria LD. Aciaria Elétrica. Refino secundário de aços. Lingotamento contínuo. Inclusões não metálicas em aços. Aços: aplicações e efeitos de elementos de liga.

Reologia

Reologia

Conceitos de tensão e taxa de cisalhamento. Definição de viscosidade. Classificação reológica dos fluidos. Equações constitutivas. Viscoelasticidade linear e técnicas de caracterização. Reometria e viscosimetria. Comportamento reológico de suspensões. Escoamento de fluidos em canais.

Aplicações de Transformações de Fase

Aplicações de Transformações de Fase

Solidificação no sistema Fe-C: influência da composição química e taxa de resfriamento. Microestruturas típicas de ferros fundidos e morfologias de grafita. Transformações da austenita de ligas Fe-C assistidas por difusão. Diagramas tempo-temperatura-transformação da austenita isotérmicos (TTT) e de transformação da austenita sob resfriamento contínuo (TRC) e microestruturas associadas. Transformações sem difusão (martensíticas). Tratamentos térmicos e termoquímicos de aços e ferros fundidos.

Custos

Custos

Conceitos básicos. Métodos de custeio. Abordagens contemporâneas de custos: custos ambientais, custo da qualidade, Life Cycle Cost, outras.

Eletivas

Eletivas

Optativas

Optativas


Nome:
Análise de Falhas

Ementa:
A importância da análise de falhas na seleção de materiais. Os objetivos da análise de falhas e sua relação com a inovação na aplicação de materiais. Origens e tipos de falhas. Procedimentos para análise de falhas e aplicação em casos práticos.

Pré-requisito:
A partir do 8º ciclo


Nome:
Libras (Língua Brasileira de Sinais)

Ementa:
A realidade da pessoa surda na sociedade brasileira. Inclusão e integração do surdo na educação e no mercado de trabalho. De que se trata a Língua Brasileira de Sinais. A linguagem de Sinais em situações dialógicas: apresentação pessoal, cumprimentos, diálogos corriqueiros, alfabeto, números, cores, verbos, tempos verbais, pronomes, família, a casa, profissões, alimentos, horários, sentimentos, meios de comunicação, meses do ano.

Pré-requisito:
Sem restrição


Nome:
Materiais Avançados

Ementa:
Nanotecnologia (nanomateriais e nanocompósitos): obtenção, processamento e aplicações. Materiais biológicos e biomateriais: definições, propriedades, classificação e aplicações. Materiais de alto desempenho. Materiais avançados em diversos setores (espacial, eletrônica energia e meio ambiente). Progressos e desenvolvimentos recentes em materiais

Pré-requisito:
A partir do 8º ciclo


Nome:
Materiais e Meio Ambiente

Ementa:
Gestão dos materiais no seu ciclo de vida. Fontes do material base: bióticas, fósseis e minerais. Refino, produção da matéria prima, produto final, consumo e descarte. O ciclo de vida objetivando a preservação do meio ambiente. A legislação ambiental e respectivo licenciamento. Materiais e processos mitigadores para áreas ambientalmente impactadas. Os materiais sustentáveis obtidos por energia limpa. Banco de dados e programas computacionais de Análise de Ciclo de Vida.

Pré-requisito:
A partir do 8º ciclo


Nome:
Metalurgia Física

Ementa:
Estrutura dos metais. Texturas ou orientações preferenciais. Planos de uma zona. Projeções estereográficas. Rede de Wulff. Projeções padrão. Triângulo estereográfico padrão para cristais cúbicos. Métodos de difração de raios-X para determinação da textura cristalográfica. Discordâncias e fenômenos de escorregamento. Sistemas de escorregamento. Multiplicação de discordâncias. Energia de defeito de empilhamento. Papel da energia de defeito de empilhamento na multiplicação de discordâncias. Mecanismos de recuperação, recristalização e crescimento de grão. Mecanismo de endurecimento por solução sólida. Interação de discordâncias e átomos de soluto. Mecanismo de endurecimento por precipitação. Teorias de endurecimento. Maclação e reação martensítica. Distorção de Bain. Falha em metais.

Pré-requisito:
A partir do 8º ciclo


Nome:
Processos Mecânicos de Fabricação*

Ementa:
Classificação e características dos processos de fabricação. Processos de conformação. Processos de usinagem. Máquinas e equipamentos de processos mecânicos de fabricação e suas aplicações. Planejamento de processos de fabricação de produtos. Tecnologia da informação aplicada nos processos de fabricação (CAPP, CNC/CAM). Noções de manufatura aditiva por impressão 3D.

Pré-requisito:
A partir do 8º ciclo


Nome:
Sistemas de Administração da Qualidade

Ementa:
Os Sistemas de Gestão da Qualidade, da implementação a avaliação. O conceito da inovação e a qualidade, produzindo competitividade.

Pré-requisito:
A partir do 8º ciclo


Nome:
Tecnologia de Vidros

Ementa:
Evolução histórica do vidro. O estado vítreo e estrutura dos vidros. Tipos de vidro e matérias-primas para a produção do vidro. Nucleação e crescimento; separação de fases no estado vítreo. Vitrocerâmicas e vidrados. Viscosidade, tensão superficial. Formulação, fusão e conformação de vidros. Tratamentos térmicos: recozimento e têmpera. Propriedades ópticas e cor em vidros.

Pré-requisito:
A partir do 7º ciclo


Nome:
Tratamentos Térmicos

Ementa:
Materiais ferrosos: aplicações de diagramas Tempo, Temperatura e Transformação (TTT) e diagramas de transformação em Resfriamento contínuo (TRC) no tratamento térmico de aços, e correlação com dimensões de peças a tratar. Tratamentos termoquímicos. Tratamentos subcríticos. Materiais não Ferrosos: recozimento, homogeneização e endurecimento.

Pré-requisito:
A partir do 8º ciclo

Processamento de Polímeros

Processamento de Polímeros

Reologia e Reometria aplicadas para Polímeros. Moldagem por Extrusão e Matrizes. Moldagem por Injeção e Moldes. Moldagem por Compressão. Sopro. Termoformagem. Calandragem. Rotomoldagem. Manufatura aditiva. Processamento de Espumas. Processamento de Elastômeros. Incorporação de Aditivos (Aditivação).

Processos de Conformação Mecânica

Processos de Conformação Mecânica

Fundamentos da conformação plástica. Caracterização e classificação dos processos. Processos de laminação, forjamento, extrusão e trefilação. Análise dos processos e seus parâmetros, previsão do comportamento mecânico do material durante o processo. Equipamentos e matrizes.

Processos Inovadores em Materiais

Processos Inovadores em Materiais

Prospecção de ideias inovadoras relacionando processamento e propriedades dos materiais, utilizando gestão de projetos, delineamento de experimentos e engenharia reversa como possíveis ferramentas de inovação em processos de materiais.

Propriedades de Cerâmicas Avançadas e Refratários

Propriedades de Cerâmicas Avançadas e Refratários

Propriedades mecânicas dos materiais cerâmicos: resistência mecânica teórica, defeitos como concentradores de tensão, tenacidade e técnicas de avaliação, teoria de Griffith, energia de fratura, curva-R crescente e mecanismos de tenacificação. Crescimento subcrítico de trincas. Estatística de Weibull. Propriedades térmicas dos materiais cerâmicos. Choque térmico em cerâmicas avançadas e em refratários. Introdução às cerâmicas refratárias: classificação e aplicações de refratários estruturais. Principais tipos de refratários: aluminosos, sílico-aluminosos, cromo-magnesianos e carbonosos. Propriedades e testes aplicados aos refratários. Fabricação de refratários formados e não-formados.

Compósitos macro, micro e nanoestruturados

Compósitos macro, micro e nanoestruturados

Introdução aos compósitos e definições. Compósitos de matriz metálica, cerâmica e polimérica (termoplástica e termofixa). Reforços particulados e fibrosos. Estruturas laminadas e sanduíche. Lei das misturas. Interação reforço-matriz. Processamento de compósitos. Mecanismos de dano. Propriedades mecânicas e térmicas. Ensaios para caracterização de propriedades.

Eletiva

Eletiva

Engenharia Econômica

Engenharia Econômica

Matemática financeira. Valor do dinheiro no tempo: juros e fluxo de caixa. Métodos de análise de projetos de investimento (VPL, TIR, VAE, tempo de retorno). Vida econômica e substituição de equipamentos.

Optativa

Optativa


Nome:
Análise de Falhas

Ementa:
A importância da análise de falhas na seleção de materiais. Os objetivos da análise de falhas e sua relação com a inovação na aplicação de materiais. Origens e tipos de falhas. Procedimentos para análise de falhas e aplicação em casos práticos.

Pré-requisito:
A partir do 8º ciclo


Nome:
Libras (Língua Brasileira de Sinais)

Ementa:
A realidade da pessoa surda na sociedade brasileira. Inclusão e integração do surdo na educação e no mercado de trabalho. De que se trata a Língua Brasileira de Sinais. A linguagem de Sinais em situações dialógicas: apresentação pessoal, cumprimentos, diálogos corriqueiros, alfabeto, números, cores, verbos, tempos verbais, pronomes, família, a casa, profissões, alimentos, horários, sentimentos, meios de comunicação, meses do ano.

Pré-requisito:
Sem restrição


Nome:
Materiais Avançados

Ementa:
Nanotecnologia (nanomateriais e nanocompósitos): obtenção, processamento e aplicações. Materiais biológicos e biomateriais: definições, propriedades, classificação e aplicações. Materiais de alto desempenho. Materiais avançados em diversos setores (espacial, eletrônica energia e meio ambiente). Progressos e desenvolvimentos recentes em materiais

Pré-requisito:
A partir do 8º ciclo


Nome:
Materiais e Meio Ambiente

Ementa:
Gestão dos materiais no seu ciclo de vida. Fontes do material base: bióticas, fósseis e minerais. Refino, produção da matéria prima, produto final, consumo e descarte. O ciclo de vida objetivando a preservação do meio ambiente. A legislação ambiental e respectivo licenciamento. Materiais e processos mitigadores para áreas ambientalmente impactadas. Os materiais sustentáveis obtidos por energia limpa. Banco de dados e programas computacionais de Análise de Ciclo de Vida.

Pré-requisito:
A partir do 8º ciclo


Nome:
Metalurgia Física

Ementa:
Estrutura dos metais. Texturas ou orientações preferenciais. Planos de uma zona. Projeções estereográficas. Rede de Wulff. Projeções padrão. Triângulo estereográfico padrão para cristais cúbicos. Métodos de difração de raios-X para determinação da textura cristalográfica. Discordâncias e fenômenos de escorregamento. Sistemas de escorregamento. Multiplicação de discordâncias. Energia de defeito de empilhamento. Papel da energia de defeito de empilhamento na multiplicação de discordâncias. Mecanismos de recuperação, recristalização e crescimento de grão. Mecanismo de endurecimento por solução sólida. Interação de discordâncias e átomos de soluto. Mecanismo de endurecimento por precipitação. Teorias de endurecimento. Maclação e reação martensítica. Distorção de Bain. Falha em metais.

Pré-requisito:
A partir do 8º ciclo


Nome:
Processos Mecânicos de Fabricação*

Ementa:
Classificação e características dos processos de fabricação. Processos de conformação. Processos de usinagem. Máquinas e equipamentos de processos mecânicos de fabricação e suas aplicações. Planejamento de processos de fabricação de produtos. Tecnologia da informação aplicada nos processos de fabricação (CAPP, CNC/CAM). Noções de manufatura aditiva por impressão 3D.

Pré-requisito:
A partir do 8º ciclo


Nome:
Sistemas de Administração da Qualidade

Ementa:
Os Sistemas de Gestão da Qualidade, da implementação a avaliação. O conceito da inovação e a qualidade, produzindo competitividade.

Pré-requisito:
A partir do 8º ciclo


Nome:
Tecnologia de Vidros

Ementa:
Evolução histórica do vidro. O estado vítreo e estrutura dos vidros. Tipos de vidro e matérias-primas para a produção do vidro. Nucleação e crescimento; separação de fases no estado vítreo. Vitrocerâmicas e vidrados. Viscosidade, tensão superficial. Formulação, fusão e conformação de vidros. Tratamentos térmicos: recozimento e têmpera. Propriedades ópticas e cor em vidros.

Pré-requisito:
A partir do 7º ciclo


Nome:
Tratamentos Térmicos

Ementa:
Materiais ferrosos: aplicações de diagramas Tempo, Temperatura e Transformação (TTT) e diagramas de transformação em Resfriamento contínuo (TRC) no tratamento térmico de aços, e correlação com dimensões de peças a tratar. Tratamentos termoquímicos. Tratamentos subcríticos. Materiais não Ferrosos: recozimento, homogeneização e endurecimento.

Pré-requisito:
A partir do 8º ciclo

Processos de Fundição

Processos de Fundição

Processos de fundição por modelos destrutivos e não destrutivos. Projeto, dimensionamento e modelamento 3D de moldes e modelos. Fornos de fusão dos metais. Elaboração e tratamento de ligas metálicas. Processos de fundição contínua e intermitente. Fundamentos teóricos e simulação computacional do dimensionamento dos sistemas de alimentação e solidificação de ligas. Defeitos de fundição.

Propriedades Físicas dos Materiais

Propriedades Físicas dos Materiais

Propriedades elétricas: fundamentos, teoria de bandas, condutividade iônica e eletrônica, dieletricidade, piezoeletricidade, piroeletricidade, ferroeletricidade. Propriedades Magnéticas: fundamentos, fenômenos magnéticos e aplicações, microestrutura e propriedades magnéticas. Propriedades ópticas: fundamentos, intensidade luminosa, absorção e emissão, fenômenos óticos e aplicações, microestrutura e características ópticas dos materiais. Propriedades térmicas: fundamentos e aplicações, capacidade e condutividade térmica, dilatação térmica.

Trabalho de Conclusão de Curso I

Trabalho de Conclusão de Curso I

Conceitos sobre metodologia científica. Direcionamento sobre revisão bibliográfica, elaboração e organização de uma monografia segundo normas da ABNT. Definição e desenvolvimento de um projeto de TCC integrador de disciplinas.

Estratégia e Gestão Organizacional

Estratégia e Gestão Organizacional

Estratégia. Gestão por processos e funções organizacionais (finanças, marketing, produção). Gestão do desenvolvimento de produto. Aspectos humanos nas organizações

Optativa

Optativa


Nome:
Análise de Falhas

Ementa:
A importância da análise de falhas na seleção de materiais. Os objetivos da análise de falhas e sua relação com a inovação na aplicação de materiais. Origens e tipos de falhas. Procedimentos para análise de falhas e aplicação em casos práticos.

Pré-requisito:
A partir do 8º ciclo


Nome:
Libras (Língua Brasileira de Sinais)

Ementa:
A realidade da pessoa surda na sociedade brasileira. Inclusão e integração do surdo na educação e no mercado de trabalho. De que se trata a Língua Brasileira de Sinais. A linguagem de Sinais em situações dialógicas: apresentação pessoal, cumprimentos, diálogos corriqueiros, alfabeto, números, cores, verbos, tempos verbais, pronomes, família, a casa, profissões, alimentos, horários, sentimentos, meios de comunicação, meses do ano.

Pré-requisito:
Sem restrição


Nome:
Materiais Avançados

Ementa:
Nanotecnologia (nanomateriais e nanocompósitos): obtenção, processamento e aplicações. Materiais biológicos e biomateriais: definições, propriedades, classificação e aplicações. Materiais de alto desempenho. Materiais avançados em diversos setores (espacial, eletrônica energia e meio ambiente). Progressos e desenvolvimentos recentes em materiais

Pré-requisito:
A partir do 8º ciclo


Nome:
Materiais e Meio Ambiente

Ementa:
Gestão dos materiais no seu ciclo de vida. Fontes do material base: bióticas, fósseis e minerais. Refino, produção da matéria prima, produto final, consumo e descarte. O ciclo de vida objetivando a preservação do meio ambiente. A legislação ambiental e respectivo licenciamento. Materiais e processos mitigadores para áreas ambientalmente impactadas. Os materiais sustentáveis obtidos por energia limpa. Banco de dados e programas computacionais de Análise de Ciclo de Vida.

Pré-requisito:
A partir do 8º ciclo


Nome:
Metalurgia Física

Ementa:
Estrutura dos metais. Texturas ou orientações preferenciais. Planos de uma zona. Projeções estereográficas. Rede de Wulff. Projeções padrão. Triângulo estereográfico padrão para cristais cúbicos. Métodos de difração de raios-X para determinação da textura cristalográfica. Discordâncias e fenômenos de escorregamento. Sistemas de escorregamento. Multiplicação de discordâncias. Energia de defeito de empilhamento. Papel da energia de defeito de empilhamento na multiplicação de discordâncias. Mecanismos de recuperação, recristalização e crescimento de grão. Mecanismo de endurecimento por solução sólida. Interação de discordâncias e átomos de soluto. Mecanismo de endurecimento por precipitação. Teorias de endurecimento. Maclação e reação martensítica. Distorção de Bain. Falha em metais.

Pré-requisito:
A partir do 8º ciclo


Nome:
Processos Mecânicos de Fabricação*

Ementa:
Classificação e características dos processos de fabricação. Processos de conformação. Processos de usinagem. Máquinas e equipamentos de processos mecânicos de fabricação e suas aplicações. Planejamento de processos de fabricação de produtos. Tecnologia da informação aplicada nos processos de fabricação (CAPP, CNC/CAM). Noções de manufatura aditiva por impressão 3D.

Pré-requisito:
A partir do 8º ciclo


Nome:
Sistemas de Administração da Qualidade

Ementa:
Os Sistemas de Gestão da Qualidade, da implementação a avaliação. O conceito da inovação e a qualidade, produzindo competitividade.

Pré-requisito:
A partir do 8º ciclo


Nome:
Tecnologia de Vidros

Ementa:
Evolução histórica do vidro. O estado vítreo e estrutura dos vidros. Tipos de vidro e matérias-primas para a produção do vidro. Nucleação e crescimento; separação de fases no estado vítreo. Vitrocerâmicas e vidrados. Viscosidade, tensão superficial. Formulação, fusão e conformação de vidros. Tratamentos térmicos: recozimento e têmpera. Propriedades ópticas e cor em vidros.

Pré-requisito:
A partir do 7º ciclo


Nome:
Tratamentos Térmicos

Ementa:
Materiais ferrosos: aplicações de diagramas Tempo, Temperatura e Transformação (TTT) e diagramas de transformação em Resfriamento contínuo (TRC) no tratamento térmico de aços, e correlação com dimensões de peças a tratar. Tratamentos termoquímicos. Tratamentos subcríticos. Materiais não Ferrosos: recozimento, homogeneização e endurecimento.

Pré-requisito:
A partir do 8º ciclo

Processos de Soldagem e Junção

Processos de Soldagem e Junção

Nomenclatura e terminologia utilizada na soldagem. Processos de soldagem de metais. Descontinuidades da soldagem. Metalurgia da soldagem e especificação de procedimento de soldagem. Processos de soldagem e união de materiais poliméricos e cerâmicos. Controle de qualidade na união de materiais. Técnicas utilizadas em corte térmico de materiais.

Seleção de Materiais e Processos

Seleção de Materiais e Processos

A estratégia de seleção de materiais e suas interações com a inovação e a sustentabilidade, a aplicação desta estratégia orientada pela utilização de bases de dados informatizadas e mapas de seleção de materiais. Comparação dos processos de fabricação e conformação de materiais metálicos, cerâmicos e poliméricos. A inovação nos processos de fabricação. A estratégia de seleção de processos com o uso de mapas de seleção para orientação e triagem destes processos.

Trabalho de Conclusão de Curso II

Trabalho de Conclusão de Curso II

Continuação do desenvolvimento do projeto de TCC integrador de disciplinas. Técnicas de elaboração de pôsteres e apresentação.

Tribologia

Tribologia

Definição e importância econômica da tribologia. Atrito: leis fundamentais e teorias. Lubrificação: modos de lubrificação. Desgaste: classificação. Desgaste por deslizamento. Desgaste por abrasão. Desgaste por erosão. Engenharia de superfície.

Estude no Exterior

Você tem a possibilidade de realização de intercâmbios e estágios no exterior, ampliando a sua qualificação profissional e formação acadêmica. Os alunos do curso de Engenharia de Materiais podem cursar disciplinas orientadas ou avulsas em universidades do exterior.

A Coordenação de Relações Internacionais cuida das condições de acordo e cooperação com universidades estrangeiras. A FEI tem convênio com a AUSJAL – Asociación de Universidades Confiadas a la Compañia de Jesus en América Latina, uma rede universitária com 30 instituições de ensino superior presente em 14 países latino-americanos.

Clique aqui e saiba mais!

Programas de Iniciação Científica, Tecnológica e de Inovação, Didática e de Ações Sociais

Os programas de Iniciação Científica, Tecnológica e de Inovação, Iniciação Didática e de Ações Sociais de Extensão visam iniciar alunos de bom rendimento acadêmico na metodologia científica aplicável às áreas: científica, tecnológica, didática ou de ação social. A participação em programas de iniciação permite ao aluno uma complementação de sua formação, pois é por meio das pesquisas realizadas durante a iniciação que o aluno tem a oportunidade de ver a aplicação prática do que é ensinado em sala de aula. A concessão de bolsas a alunos envolvidos no desenvolvimento de projetos é uma forma de incentivar sua participação.

Saiba mais

Bolsas de Assistência Social

Um setor especial atende os alunos que necessitam de bolsas, apoiando seu ingresso no ensino superior, e também os alunos regularmente matriculados que possam ter dificuldades financeiras de se manter no curso. O objetivo é oferecer um local de apoio, orientação e acompanhamento da permanência na vida universitária. Venha conversar conosco se precisar!

Saiba mais

Júnior FEI

Administrada e constituída totalmente por alunos da graduação, um dos objetivos da Júnior FEI é envolver os alunos que são membros da empresa em projetos de inovação, tecnologia, gestão e desenvolver habilidades profissionais e pessoais. Alunos de qualquer curso podem fazer parte da Junior FEI.

Confira mais informações no site da Jr. FEI

Pai

Programa de Apoio ao Ingressante

Especialmente para quem acaba de iniciar a vida acadêmica, a Instituição possui um programa que tem como principal objetivo estimular e orientar os novos alunos a encarar o ensino superior com responsabilidade e com muito mais confiança.

Saiba mais

Visite a FEI

Venha conhecer nossa infraestutura e tirar todas as suas dúvidas através de nossa visita monitorada.

Clique aqui e agende sua visita!